segunda-feira, julho 19

Se eu fosse um dos homens da capa preta, concederia o habeas.

Como profissional que atua e defende O Sistema Jurídico brasileiro, digo a vocês que este cidadão tem todo O Sistema processual judicial ao seu lado. As arbitrariedades e ilegalidades cometidas na apuração deste crime, que afrontam o Devido Processo Legal, são tantas que não cabem numa mão. Se tudo tivesse sido feito bem direitinho, a futura condenação seria legitima. Claro que toda essa trapalhada tem nome, senhoras e senhores da pláteia: vaidade.

4 comentários:

Solineuzza disse...

Eu não, porque ainda tem muita prova pra ser colhida e o Bruno e o Macarrão soltos ia cagar tudo.

Agora o que eu teria feito HÁ MUITO TEMPO era afastar essas duas retardadas dessas delegadas que só sabem aparecer na televisão pra dar entrevista e entregar todo o plano de investigação.... elas são muito estúpidas... mas o pior é que o delegado que assumiu não é muito diferente... polícia não tem que ficar dando entrevista pra impressa... todos os dias eles vão lá e fazem um relatório de novidades.... peloamordedeus.....

marcelo disse...

Mas de um tempo pra cá, não é só isso que se vê? Delegados e promotores se achando heróis de seriado americano? Advogados e advogadas mais preocupados com o terno, os óculos escuros e os sapatos do que com qualquer outra coisa? Juízes que não tem um pingo de preocupação social, que não tem a menor noção do real significado de suas funções?
Eu, particularmente, acho que além de todas as provas, exames, etc, no dia da formatura as faculdades de direito (aliás, não só as de direito) deveriam colocar um mata-burro na porta e fazer o povo passar por cima, como se fosse uma prova final pra ver se as pessoas tem a mínima condição mental de desenvolver qualquer função que seja. E claro, já me tacaram pedra por causa dessa opinião, mas pra ser delegado, promotor e juiz, requisito de idade: trintinha no RG no mínimo! Não resolve, mas ajudaria muito. Determinadas coisas da vida, não tem jeito. É só a idade que ensina mesmo. É só porrada da vida. Me dá uma angústia enorme ver questões complexas, causas envolvendo pessoas pobres, patrimônio de quem não tem praticamente nada, assuntos que dependem de uma grande humanidade, de um conhecimento social profundo, de nobreza, resolvidos por patricinhas peruas togadas, viu. Acho simplesmente o fim.

xoxo proceis.

Bonequinha de luxo disse...

Esse vídeo ainda inocenta o moço! Aff!

isabel alix disse...

Duas palavras:
NICHOLAS MARSHALL
http://www.youtube.com/watch?v=lVBg2otAp6M